Rajadas de vento registradas na madrugada desta quinta-feira (11/08) são as mais fortes desde 2019

A previsão é de chuva fraca a moderada, em pontos isolados, e ventos moderados a fortes. Velocidade dos ventos atingiu 93,6km/h na madrugada

O carioca viveu uma madrugada de vendaval com rajadas que chegaram a 93,6 km/h no Forte de Copacabana, a maior velocidade registrada na cidade desde 2019. Na estação Marambaia, o vendaval também provocou rajadas de 82,8 km/h entre 3h e 4h e 84,2 km/h entre 4h e 5h. Os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET).  O Centro de Operações Rio (COR) informa que a cidade entrou em estado de mobilização a 0h40 de quarta-feira (10/08) devido às condições do tempo. Para esta quinta-feira (11/08), a previsão do Alerta Rio é de chuva fraca a moderada, em pontos isolados, e ventos moderados a fortes. De acordo com a Marinha do Brasil, ondas de até 4 metros de altura podem atingir a orla da cidade até as 21h da sexta-feira (12/08).

No Forte de Copacabana, entre 4h e 5h, os ventos chegaram a 93,6 km/h e a 88,2 km/h, entre 3h e 4h. Em 2019, foram registradas no dia 6 de fevereiro, às 20h, rajadas de 115,9 Km/h, em Marambaia. Em Copacabana, também no dia 06 de fevereiro de 2019, às 21h, a velocidade dos ventos atingiu 110,2 Km/h.

Até as 16h desta quinta-feira, a cidade registrou 25 quedas de árvores. Vinte e duas já foram retiradas. Equipes da Prefeitura do Rio trabalham para a remoção de outras três, sendo uma na Rua José Perrota, em Curicica; outra na Estrada da Vista Chinesa, no Alto da Boa Vista e outra na Rua Teixeira de Melo, em Ipanema.  Também foi registrada a queda de uma estrutura de alvenaria na Estrada do Camorim, em Jacarepaguá.

O Centro de Operações Rio reforça, a seguir, as recomendações de segurança elaboradas pela Defesa Civil do Estado (Sedec-RJ) e pelo Corpo de Bombeiros do RJ em caso de rajadas de ventos fortes:

Em casa:

– Feche as janelas, basculantes e portas de armários para evitar canalizações de ventos no interior de casa.
– Persianas, cortinas ou blecautes também devem estar fechados para evitar que estilhaços se espalhem, no caso de alguma janela quebrar.
– Aparelhos elétricos e registro de gás devem estar fechados. Dessa forma, não há agravamento em caso de queda de árvore.
– Evite deixar objetos que possam cair em locais altos;
– Mantenha as árvores do jardim ou do quintal sempre podadas e bem cuidadas.
– Fique atento: se houver falta de luz, cuidado com o uso de velas para evitar incêndios.

Na rua:
– Não se abrigue debaixo de árvores ou de coberturas metálicas.
– Evite a prática de esportes ao ar livre, especialmente, no mar.
– Evite ficar próximo a precipícios, encostas ou lugares altos sem proteção.
– Evite passar sob cabos elétricos, outdoors, andaimes, escadas;
– Não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda;
– Não queime lixo, não ateie fogo em terrenos para remover vegetação, não acenda fogueiras ou jogue bitucas de cigarros em estradas ou terrenos com mata;
– Fique atento: caso haja queda de árvore, é possível que a rede de energia tenha sido rompida. Nesta situação, há risco de acidentes causados por raios

Saiba mais sobre os estágios operacionais: https://cor.rio/estagios-da-cidade/
Acompanhe notícias em tempo real em www.twitter.com/OperacoesRio

Compartilhe essa informação nas redes sociais.
plugins premium WordPress

Obrigado

Seu e-mail foi cadastrado na nossa lista de newsletter. Em breve você receberá nossas novidades na sua caixa de mensagens.

Não esqueça de verificar se nossas mensagens não estão caindo na caixa de SPAM.

Inscreva-se na nossa Newsletter

Obrigado

Sua mensagem foi enviada com sucesso. Em breve você receberá uma mensagem ou resposta ao seu contato. Não esqueça de verificar se nossas mensagens não estão caindo na caixa de SPAM.