RIO EM ALERTA - Medidas contra o coronavírus (23/03/2020)


23/03/2020

23/03/20 - 18h30 - O Centro de Operações da Prefeitura informa que o município do Rio de Janeiro segue em ESTÁGIO DE ALERTA desde as 18h de segunda-feira, dia 16 de março de 2020, devido ao aumento do número de casos de Covid-19 na cidade. Nesse fim de semana, houve uma edição especial do Diário Oficial do Município do Rio que informou diversas novidades que fazem parte do conjunto de medidas adotadas pela prefeitura para conter a pandemia do coronavírus na cidade. Confira abaixo quais estão em vigor:

CRIVELLA DETERMINA FECHAMENTO DO COMÉRCIO NO RIO A PARTIR DESTA TERÇA-FEIRA

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, determinou neste domingo (22/03) o fechamento obrigatório do comércio da cidade a partir do primeiro minuto da próxima terça-feira (24/03), como mais uma medida para conter a propagação do novo coronavírus. As exceções são para os seguintes casos: 
 
•Farmácias; supermercados e hortifrutis (com recomendações para ampliar o serviço para 24 horas);

• Padarias (com a recomendação de que se evitem aglomerações);

• Pet Shops;

•Postos de gasolina (lojas de conveniência, porém, devem ficar fechadas);

• Lojas de equipamentos médicos e ortopédicos.
 
- Essas são medidas por tempo indeterminado. A comunidade médica e científica do município está monitorando o contágio, e nos dando informações. Precisamos proteger a população. A maioria das pessoas que moram em comunidades, por exemplo, trabalha no setor de comércio - explicou Crivella.
 

Como ficam shoppings, bares, restaurantes e bancos?

 
Deverão permanecer fechados os shoppings (apenas com praças de alimentação funcionando, mas com recomendação para entrega em domicílio) e bares e restaurantes, que funcionarão apenas com delivery. Os bancos também não poderão abrir (a prestação do serviço deverá ser online).   
 

Novas medidas também sobre feiras livres

 
As feiras livres voltam a ser semanais, para evitar aglomerações que poderiam existir se fossem quinzenais. Mas haverá um rodízio de funcionamento das barracas: as pares numa semana e a ímpares, em outra.
 

Qual a situação dos serviços e da indústria?

 
Por enquanto não há medidas restritivas para os setores de serviço (consultórios, escritórios e outros) e indústria. 
 

Ajuda a ambulantes, taxistas e outros profissionais autônomos

 
Crivella informou que a Prefeitura encomendou 20 mil cestas básicas para doações a esses trabalhadores que dependem da circulação de pessoas nas ruas e que ficaram prejudicados com o confinamento da maior parte da população em casa. 
 
O prefeito anunciou também a criação pelo município de um Fundo Solidariedade para arrecadar mais cestas básicas e outras doações importantes para ajudar esses grupos de profissionais. As informações sobre funcionamento do fundo e como será possível contribuir estarão disponíveis na imprensa e nas redes sociais em breve.
 
A Câmara Municipal votará esta semana a criação também do Fundo Emergencial de Combate ao Covid-19, para arrecadação de verba, por meio de doações, para contribuir na luta contra o novo coronavírus.

Painel Rio Covid-19

Planejado pelo Instituto Pereira Passos em parceria com técnicos da Secretaria Municipal de Saúde, o Painel Rio Covid-19 está hospedado na plataforma do Centro de Operações Rio (COR-Rio) e traz o monitoramento diário dos casos confirmados e suspeitos por bairros, regiões, faixa etária e gênero. As atualizações do número de pessoas contaminadas pelo vírus são feitas pela Secretaria Municipal de Saúde com informações também sobre o número de pessoas internadas e quais delas estão em Unidades de Tratamento Intensivo. Há um campo em que a população acompanhará o número de vítimas fatais pela doença, imediatamente após a confirmação do caso. Na página, além do mapeamento, o público poderá acessar a curva da doença na cidade do Rio. 

  • Clique aqui e acesse o Painel Rio Covid-19 ou copie e cole o seguinte link http://monitoramento.subpav.rio/COVID19 no seu navegador para acesso à plataforma. 

 

Novas medidas de enfrentamento ao coronavírus

BRT

A partir de segunda-feira (23/03), ficam suspensas quatro linhas de BRT que param no Terminal Jardim Oceânico. Serão criadas duas novas que param no Terminal Alvorada, que tem maior capacidade para atender os passageiros. A medida foi definida devido ao grande número de passageiros que chegam do metrô ao Terminal Jardim Oceânico, gerando aglomeração no local.
 
Também a partir desta segunda, ônibus comuns farão também o trajeto do BRT TransOeste (Santa Cruz - Alvorada), direto, sem parar em pontos. E mais 15 veículos articulados do BRT TransOlímpica reforçarão a TransOeste.
 
Ficam temporariamente suspensas as seguintes linhas: Recreio Shopping x Jardim Oceânico, Madureira x Jardim Oceânico, Sulacap x Jardim Oceânico e Mato Alto x Jardim Oceânico. As novas linhas Madureira x Alvorada (expresso) e Mato Alto x Alvorada (parador) atenderão os usuários que precisarão se deslocar neste trecho. Também a partir da próxima segunda-feira (23), 15 veículos serão destinados para reforçar a operação do BRT Transoeste.
 

METRÔ RIO

 

O MetrôRio, empresa do grupo Invepar, informa que todas as 41 estações do sistema estarão funcionando normalmente nesta semana, porém, com fechamento dos acessos menos movimentados de 19 delas, a partir desta segunda-feira, dia 23. Nestes locais, os clientes poderão usar as outras entradas existentes. A concessionária reforça que não haverá interrupção nos serviços do metrô.

Ao todo, 30 acessos com menor movimento serão totalmente fechados e cinco, fechados em parte do dia, totalizando 35 acessos bloqueados (veja listagem completa abaixo). Em todas as estações afetadas, os clientes com algum tipo de dificuldade de locomoção continuam contando com infraestrutura de acessibilidade nos acessos que permanecem abertos.

A medida colabora com a diminuição de pessoas circulando na cidade, atendendo à política de enfrentamento ao coronavírus definida pelo Governo do Estado. Além disso, visa a reduzir o contingente de funcionários necessários nas estações, preservando os colaboradores e garantindo, assim, a continuidade do serviço à população.

Em função das restrições de mobilidade e da suspensão de diversos serviços em toda a cidade, o MetrôRio registrou redução de 71% no fluxo de passageiros nesta sexta-feira, dia 20/03, chegando a 78% de queda neste sábado, dia 21, comparados com movimento da semana anterior.

Restrições de acesso

Atendendo a restrições previstas pelo Governo do Estado no Decreto nº 46.980, de 19 de março, desde o último sábado, dia 21, há pontos de controle nas estações Pavuna, Engenheiro Rubens Paiva e Acari. Nos locais, a Polícia Militar realiza a triagem de usuários que sejam trabalhadores de setores definidos como essenciais pelo Governo. O embarque ocorre por meio da apresentação de documento de identidade profissional, carteira de trabalho ou crachá funcional, além de atestado médico, agendamento ou outro documento comprobatório da condição médica, para pacientes em tratamento de saúde.

Setores fechados

Desde a última semana, o MetrôRio suspendeu temporariamente o atendimento presencial do Posto de Gratuidades, localizado na estação Central, e do Espaço do Cliente, na estação Carioca. A medida estará em vigor até o dia 30 de março, podendo ser estendida caso haja alterações no decreto do governo que estipulou o fechamento de locais com aglomerações. Da mesma forma, a concessionária também cancelou as apresentações no Palco Carioca nas 12 estações onde o espaço gratuito para apresentações de artistas é oferecido.

Acessos fechados a partir do dia 23/03

LINHA 1

General Osório - acesso Complexo Rubem Braga

Siqueira Campos - acesso Figueiredo Magalhães

Botafogo - acessos Muniz Barreto / São Clemente (praia) / Nelson Mandela / Mena Barreto

Flamengo - acesso Praia de Botafogo

Catete - acesso Rua Silveira Martins

Glória - acesso Outeiro da Glória

Cinelândia - acessos Rio Branco / Pedro Lessa / Presidente Wilson / Santa Luzia

Carioca - acessos Av. Chile - Petrobrás (fecha às 15h) / Convento de Santo Antônio

Uruguaiana - acessos R. Uruguaiana (fecha às 20h) / Senhor dos Passos / Alfândega

Central - acessos Terminal Rodoviário (fecha às 20h) / Min. do Exército (fecha às 14h) / Praça da República (fecha às 14h)

Praça Onze - acesso Marquês de Sapucaí

Estácio - acesso Paulo de Frontin

Saens Peña - acessos Carlos de Vasconcelos / Heitor Beltrão / Major Ávila

Uruguai - acessos R. José Higino / R. Conde de Bonfim

LINHA 2

São Cristovão - acesso Praça da Bandeira

Maracanã - acesso Supervia

LINHA 4

São Conrado - acesso Estrada da Gávea

Jardim de Alah - acesso R. Almirante Pereira Guimarães

Nossa Senhora da Paz - acesso R. Maria Quitéria

 

Trânsito e Transportes

  • Com o objetivo de manter o devido abastecimento da cidade, a SMTR suspendeu as restrições aos veículos de carga. Ou seja, desde sexta-feira (20/03), caminhões não têm mais limitações pra circular.
  • Suspensão da gratuidade nos transportes públicos para os alunos do ensino médio e fundamental das escolas públicas municipais.
  • Suspensão por tempo indeterminado de áreas de proteção para ciclistas.
  • Motoristas flagrados transportando passageiros em pé poderão ser detidos por desobediência.
  • Adiar pagamento de taxas para taxistas por 60 dias.
  • Determinada a desinfecção interna diária, antes do início da operação, conforme a Resolução 3243, dos veículos que fazem transporte público de passageiros.
  • Intensificadas as ações com foco na fiscalização da higienização dos ônibus.
  • Fechamento de túneis - Desde terça-feira (17/03), estão suspensos os fechamentos dos túneis da cidade para serviços de manutenções rotineiras como parte de ações necessárias para a redução do contágio pelo coronavírus.
     

Outras medidas anunciadas:

  • Supermercados | Não pode haver filas: Supermercados estão autorizados a funcionar 24 horas. Todo supermercado do Rio terá que divulgar número para entrega em domicílio e prestar esse serviço. A entrega tem que ser feita em no máximo 48 horas. Idosos a partir de 60 anos têm prioridade na entrega.
  • Restaurantes Populares | Medida sócio-protetora: as três unidades do município (Bangu, Bonsucesso e Campo Grande) passam a servir, além de café da manhã e almoço, também jantar (entre 17h e 20h), a partir da próxima quarta-feira, 25/03. Preços: R$ 0,50 para café da manhã e R$ 2 para almoço ou jantar.
  • Hotéis para abrigar idosos | A Prefeitura fará parcerias com hotéis para receber idosos sem sintomas e que morem em comunidades ou locais de risco onde seja difícil evitar aglomeração.
  • População em situação de rua |Serão disponibilizados três abrigos para pessoas em situação de rua cadastradas e acolhidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (são atualmente 2,4 mil). Os locais: Honório Gurgel (cedido pela Firjan), Sambódromo e Santo Cristo.
  • Ajuda do Ministério da Defesa | A Prefeitura vai solicitar ao Ministério da Defesa que militares circulem em áreas residenciais e comerciais para abordar pessoas (principalmente os idosos) e orientá-las sobre a necessidade de evitar estar nas ruas.
  • Galões de água nas comunidades: o prefeito disse que irá colocar galões com água e sabão para as pessoas lavarem as mãos na entrada das comunidades.
  • GM nos supermercados: o prefeito reforçou a recomendação de que é para idosos fazerem compras por entrega em domicílio. A orientação é para não irem aos supermercados. Se continuarem indo, a Prefeitura poderá colocar guardas municipais na porta e proibir a entrada de idosos.
  • Redução do Riocard para idosos: de acordo com o prefeito, será reduzido o RioCard gratuito para idosos, deixando um número mínimo possível, para que eles fiquem em casa.
  • Comlurb fará limpeza com detergente em locais com maior risco de contágio: O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou nesta segunda-feira (23/03), após reunião do gabinete de crise montado no Riocentro, que, a partir desta terça-feira (24/03), a Comlurb fará lavagem e desinfecção de ruas com detergente em bairros da Zona Sul e na Barra da Tijuca - áreas com mais casos do novo coronavírus na cidade - e no Centro. O trabalho será executado em superfícies e pontos de contato como pontos de ônibus, saídas de BRT e estações de metrô. A ação inclui entornos de hospitais municipais e estaduais.

Na quinta-feira (19/03), a Prefeitura já havia divulgado medidas para conter o contágio do coronavírus (Covid-19) na capital fluminense. Veja o documento na íntegra neste link ou acesse aqui para conferir as que tinham sido adotadas com relação aos transportes públicos, ao trânsito e às ações da Defesa Civil.
 

CARTILHA CORONAVÍRUS

Tem dúvida sobre o coronavírus? A Secretaria Municipal de Saúde preparou uma cartilha com diversas informações sobre a doença. No material, você pode esclarecer suas questões sobre a Covid-19. Faça o download da cartilha no link: bit.ly/Cartilha_SMS.

Voltar
Telefones Úteis

Centro de Operações

Rio de Janeiro

Aplicativos

Endereço

Rua Ulisses Guimarães, 300 - Cidade Nova
CEP: 20211-225
Tel.: (21) 2976-4500

Assessoria de Comunicação
(exclusivo para imprensa)

Telefone: (21) 2976-4531 / 4538
E-mail: comunicacao@centrodeoperacoesrio.com.br

Dúvidas, Informações ou Denúncias

Ligue 1746 ou (21) 3460-1746,
quando estiver em uma cidade com código de área diferente do 21
 

Prefeitura do Rio de Janeiro - Todo o conteúdo deste website está licenciado sob a CC-ATTRIBUTION 3.0 Brazil,
exceto quando especificado em contrário e nos conteúdos replicados de outras fontes.

Desenvovimento: SeteTalents