MOBILIZAÇÃO

CONFIRA AQUI AS OCORRÊNCIAS RELACIONADAS À CHUVA (19 E 20/11)


21/11/2020

Última atualização às 7h30

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio de Janeiro informa que a cidade retornou ao ESTÁGIO DE NORMALIDADE, em relação às condições do tempo, às 7h30 deste sábado, dia 21 de novembro de 2020. Leia mais: https://bit.ly/normalidade2111202

Resumo das ocorrências registradas pelo COR entre quinta-feira e sexta-feira (19 e 20/11)

Entre a noite de quinta-feira (19/11) e a noite de sexta-feira (20/11), o Centro de Operações Rio (COR) registrou 17 ocorrências relacionadas à chuva no município, sendo 10 pontos com acúmulo de água, 6 quedas de árvores e 1 ocorrência envolvendo deslizamento de encosta. Destas, segue em andamento apenas o deslizamento ocorrido na Estrada das Canoas (mais informações abaixo).

A Subsecretaria de Conservação atuou, desde a madrugada de sexta-feira, com equipes e equipamentos em vários pontos da cidade. O trabalho continuará ao longo do dia para sanar alagamentos e eliminar bolsões d'água. De acordo com a secretaria, são usados pás, retroescavadeiras, compressores e caminhões dos tipos basculante e conjugado, que auxiliam na drenagem da água.

Devido a bolsão d'água, a Rua Jardim Botânico chegou a ser totalmente interditada por agentes da CET-Rio, nos dois sentidos, no trecho entre a Rua Pacheco Leão e a Praça Santos Dumont, à 0h05 desta sexta-feira. Após a atuação das equipes da Prefeitura e o escoamento da água, a via foi liberada às 2h15.

No Alto da Boa Vista, devido à queda de árvore, o tráfego foi interditado, em ambos os sentidos, a partir da 0h12 desta sexta-feira. Após o corte e remoção do vegetal, a via foi liberada à 0h55.

Na Av. Niemeyer, segundo informou a CET-Rio, houve mobilização, por volta das 2h, mas não foi atingido o protocolo de interdição da mesma. No momento, a via ainda encontra-se em mobilização, porém com o trânsito liberado.

Nos Mergulhões da Avenida Armando Lombardi, na Barra da Tijuca, foi feito o monitoramento desde o início da chuva, mas não houve necessidade de fechamento, até o momento.

 

Bolsões/acúmulo de água: 

Finalizados: 

  • CIDADE NOVA: acúmulo de água ocupa parcialmente a Av. Pres. Vargas, na altura da Cidade Nova, em ambos os sentidos.
  • AV. FRANCISCO BICALHO: bolsão/acúmulo de água na pista lateral, sentido Centro, em São Cristóvão, na altura do Detran. 
  • ITANHANGÁ: Estr. da Barra da Tijuca, altura do Condomínio Itanhangá Hills, sentido Rio das Pedras.
  • GLÓRIA:  Rua do Catete, na altura da Rua Ferreira Viana
  • BARRA DA TIJUCA:  Av. Armando Lombardi, na altura do Mergulinho, sentido Recreio dos Bandeirantes. 
  • JACAREPAGUÁ: Av. Ayrton Senna, na altura da Ponte Santos Dumont, sentido Orla.
  • BARRA DA TIJUCA: Av Ministro Ivan Lins, na altura do acesso à Ponte de Joatinga, sentido Zona Sul. 
  • GLÓRIA:  Rua do Catete, na altura da Rua Silveira Martins. 
  • SÃO CONRADO: Rua Gen. Olímpio Mourão Filho, sentido Av. Niemeyer.
  • JARDIM BOTÂNICO: Rua Jardim Botânico, na altura da Rua Pacheco Leão.

 

Quedas de árvores

Finalizadas:

  • RIO COMPRIDO: Estrada do Sumaré. 
  • SANTA TERESA: Estrada das Paineiras, altura da Rua Almirante Alexandrino. 
  • ILHA DO GOVERNADOR: Rua Quirino dos Santos, 370, no Jardim Guanabara.
  • ESTRADA DONA CASTORINA, altura da Cachoeira do Horto.
  • SERRA DA GROTA FUNDA: tráfego liberado em ambos os sentidos da via, após queda de árvore no sentido Santa Cruz, próximo ao KM 1. Interdição ocorreu das 10h30 às 12h26 desta sexta-feira. Durante bloqueio, trânsito foi desviado para o Túnel Vice-Presidente José de Alencar (Túnel da Grota Funda).
  • ALTO DA BOA VISTA: Estrada de Furnas, na altura da Estrada Tijuaçu, ambos os sentidos.

 

Deslizamento de encosta

Em andamento:

  • ESTR. DAS CANOAS | Via interditada, desde as 16h08 desta quinta-feira (19/11), altura do Mirante, devido a deslizamento de encosta. Trânsito sendo desviado pela área de estacionamento próxima. Segundo a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Habitação e Conservação, geólogos da Geo-Rio fizeram as primeiras intervenções na área onde houve o tombamento de um bloco rochoso na via. No momento, aguardam a melhoria das condições climáticas para prosseguir com o trabalho de investigação e concluir o laudo.

 

 


MAIORES ACUMULADOS DE CHUVA

Veja abaixo as estações que apresentaram as maiores leituras das 16h de quinta-feira às 16h desta sexta-feira (19 a 20/11):

Maiores acumulados em 15 minutos

  1. Sepetiba (3,4 mm), às 20h45 do dia 20/11;
  2. Tijuca ( 3,2 mm), às 21h15 do dia 20/11;
  3. Grande Méier (3,0 mm), às 21h45 dia 20/11.

Maiores acumulados em 1 hora

  1. Sepetiba (9,4 mm), às 21h15 do dia 20/11.
  2. Tijuca (4,0 mm), às 21h45 do dia 20/11.
  3. Grande Méier ( 3,4 mm), às 22h15 o dia 20/11.

Maiores acumulados no período de 24 horas

  1. Sepetiba (10,4  mm)
  2. Tijuca (4,6 mm)
  3. Grande Méier (3,6 mm)

 

Veja abaixo as estações que apresentaram as maiores leituras das 18h desta sexta-feira às 5h deste sábado (20 a 21/11):

Maiores acumulados no período de 96 horas

  1. Alto da Boa Vista (205,4 mm)
  2. Rocinha (180,2 mm)
  3. Tijuca (175,8 mm)
  4. Jardim Botânico (129,0 mm)
  5. Santa Teresa (123,4 mm)

 


Sábado com chuva fraca isolada, ocasionalmente moderada à noite, no Rio

O transporte de umidade do oceano manterá o predomínio de céu nublado no município do Rio neste sábado. De acordo com o Alerta Rio, há previsão de chuva fraca isolada a qualquer momento do dia, podendo ser moderada no período da noite. Os ventos estarão fracos a moderados e as temperaturas permanecerão estáveis em relação ao dia anterior, com mínima de 16°C e máxima de 27°C.

Município permanece em ESTÁGIO DE MOBILIZAÇÃO, devido às condições do tempo, desde as 5h40 de terça-feira (17/11).

 

 


Veja abaixo a previsão do tempo para os próximos dias

 

DOMINGO

No domingo (22/11), áreas de instabilidade, em médios níveis atuarão, deixando o céu nublado com chuva fraca a moderada isolada durante os períodos da tarde e da noite. Já os ventos estarão fracos a moderados. Os modelos numéricos de previsão do tempo indicam que chova, em média, 10 mm neste dia na cidade.

 

SEGUNDA-FEIRA

Na segunda-feira (23/11), essas áreas de instabilidade permanecerão atuando sobre a Região Sudeste, ocasionando chuva fraca isolada nos períodos da tarde e da noite. Há possibilidade de vento moderado e o céu irá variar entre parcialmente nublado a nublado. Os modelos numéricos de previsão do tempo indicam que chova, em média, 10 mm neste dia

 

TERÇA-FEIRA

Na terça-feira (24/11), haverá redução da nebulosidade, com condições para chuva fraca isolada durante a madrugada. Há possibilidade de vento moderado. Os modelos numéricos de previsão do tempo indicam que chova, em média, menos que 5 mm.

 

QUARTA-FEIRA

Na quarta (25/11), um sistema de alta pressão manterá o tempo estável no Rio, com céu parcialmente nublado ao longo do dia e sem previsão de chuva.

 

 

 

Em caso de chuva forte, permaneça em local seguro. Não passe por áreas alagadas. Se necessário, use os telefones de emergência 193 (Corpo de Bombeiros) e 199 (Defesa Civil).

 


RECOMENDAÇÕES EM CASOS DE VENTOS FORTES:

O Centro de Operações Rio reforça, a seguir, as recomendações de segurança elaboradas pela Defesa Civil do Estado (Sedec-RJ) e pelo Corpo de Bombeiros do RJ diante da ocorrência de rajadas de ventos fortes:

EM CASA:

  • Feche as janelas, basculantes e portas de armários para evitar canalizações de ventos no interior de casa.
  • Persianas, cortinas ou blecautes também devem estar fechados para evitar que estilhaços se espalhem, no caso de alguma janela quebrar;
  • Aparelhos elétricos e registro de gás devem estar fechados. Dessa forma, não há agravamento em caso de queda de árvore;
  • Evite deixar objetos que possam cair em locais altos;
  • Mantenha as árvores do jardim ou do quintal sempre podadas e bem cuidadas;
  • Fique atento: se houver falta de luz, cuidado com o uso de velas para evitar incêndios.

 

NA RUA:

  • Não se abrigue debaixo de árvores ou de coberturas metálicas;
  • Evite a prática de esportes ao ar livre, especialmente, no mar;
  • Evite ficar próximo a precipícios, encostas ou lugares altos sem proteção;
  • Evite passar sob cabos elétricos, outdoors, andaimes, escadas;
  • Não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda;
  • Não queime lixo, não ateie fogo em terrenos para remover vegetação, não acenda fogueiras ou jogue bitucas de cigarros em estradas ou terrenos com mata;
  • Fique atento: caso haja queda de árvore, é possível que a rede de energia tenha sido rompida. Nesta situação, há risco de acidentes causados por raios.

 

 


AVISO DE RESSACA 

A Marinha do Brasil informa: ondas de até 2,5 metros de altura podem atingir a orla das 15h de quinta-feira (19/11) até as 21h desta sexta-feira (20/11). Fique atento!
 

RECOMENDAÇÕES DA PREFEITURA:
 
  • Evitar o banho de mar em áreas que estejam em condições de ressaca;
  • Evitar a prática de esportes no mar;
  • Não permanecer em mirantes na orla ou em locais próximos ao mar durante o período de ressaca;
  • Os frequentadores de praias devem seguir as orientações das equipes do Corpo de Bombeiros;
  • Os pescadores devem evitar navegar durante o período de ressaca;
  • Evitar trafegar de bicicleta na orla caso as ondas estejam atingindo a ciclovia;
  • Não entrar no mar para resgatar vítimas de acidente. Neste caso, acione imediatamente as equipes do Corpo de Bombeiros pelo telefone 193.
 
 
 
 
 
 


Mantenha-se informado com o app do COR. É grátis!

Veja as ocorrências da cidade, trânsito, transportes, previsão do tempo, o radar meteorológico, pluviômetros e muito mais. Baixe agora o app COR.RIO gratuitamente nas versões Android (http://bit.ly/appcorandroid) e iOS (bit.ly/appcor_ios).

 


Quer saber se tem chuva na cidade do Rio?

Cadastre-se e receba gratuitamente SMS da DEFESA CIVIL com alertas de chuvas no seu celular! Envie o CEP para 40199.

 

 

Informações em tempo real no twitter.com/operacoesrio

Voltar
Telefones Úteis

Centro de Operações

Rio de Janeiro

Aplicativos

Endereço

Rua Ulisses Guimarães, 300 - Cidade Nova
CEP: 20211-225
Tel.: (21) 2976-4500

Assessoria de Comunicação
(exclusivo para imprensa)

Telefone: (21) 2976-4531 / 4538
E-mail: comunicacao@centrodeoperacoesrio.com.br

Dúvidas, Informações ou Denúncias

Ligue 1746 ou (21) 3460-1746,
quando estiver em uma cidade com código de área diferente do 21

Prefeitura do Rio de Janeiro - Todo o conteúdo deste website está licenciado sob a CC-ATTRIBUTION 3.0 Brazil,
exceto quando especificado em contrário e nos conteúdos replicados de outras fontes.

Powered By: Sete Serviços.