No dia 6 de agosto, mais uma etapa do II Desafio COR foi encerrada. Com mais de 250 espectadores online, 1074 views nas redes sociais e muitas interações, as quatro Startups selecionadas Nimbus, Scientia, VM9 e Wiiglo, apresentaram os resultados dos seus projetos durante o evento transmitido no YouTube do Centro de Operações do Rio.

A banca de jurados contou com representantes de universidades, centros de pesquisas, investidores de mercado e empresas de logística, além de outros especialistas.

Todos os projetos elaborados foram pensados para reunir soluções tecnológicas inovadoras e aprimorar a gestão dos impactos das mudanças climáticas no sistema de ônibus do município do Rio de Janeiro que foram elaboradas no “II Desafio COR – Smart City, Smart People”.

O QUE É O DEMODAY

O DemoDay é um evento que reúne soluções inovadoras que aprimoram o monitoramento dos impactos causados pelas mudanças climáticas e as ações de resposta do Centro de Operações da Prefeitura do Rio.

Esses projetos foram desenvolvidos no "II Desafio COR – Smart City, Smart People", uma iniciativa de inovação aberta do Comitê de Governança para Políticas Públicas de Inovação da Prefeitura do Rio de Janeiro, realizada no Centro de Operações (COR).

PROJETOS APRESENTADOS

A Wiiglo, uma das startups selecionadas para o II Desafio COR, apresentou o Foursafe, uma plataforma de monitoramento, de impactos socioambiental, atualmente voltada para ações de prevenção e mitigação de riscos devidos a chuvas em cidades que busca torná-las mais inteligentes.

A plataforma veio como fruto de um projeto de Pesquisa e Desenvolvimento para criação dinâmica de mapas de risco de deslizamento em tempo real, conceito validado em 2018 com usuários da Região Serrana e, na sequência, teve o seu MVP construído como um aplicativo web.

Outra startup que apresentou seu projeto foi a Nimbus, que desenvolveu a plataforma GAIA (Georeferenced information system with Artificial Intelligence Analysis). A plataforma tem como objetivo absorver múltiplos dados meteorológicos e urbanos para gerar análises em função do clima e fornecer informações estratégicas para diferentes setores e segmentos da indústria e gestão urbana. A plataforma de gestão de dados irá se tornar um organismo essencial no planejamento e operação de cidades inteligentes e logística urbana.

A VM9, especializada em IoT, Inteligência Artificial, Geoestatística e estruturação de Data Lakes, também participou do DemoDay.

Com o objetivo de utilizar tecnologia para construir um mundo mais inteligente para as pessoas promovendo eficiência nas organizações, a startup criou uma plataforma que detecta anomalias no sistema de ônibus da cidade, de forma remota e automática, com base no cruzamento de diversas fontes de dados. Essa ferramenta será capaz de sugerir soluções ágeis a cada ocorrência que possa prejudicar o sistema de tráfego do município como, por exemplo, danos causados por chuvas fortes.

A Scientia, outra startup com solução inovadora, apresentou o projeto que elaborou para a aceleração do “II Desafio COR – Smart City, Smart People”. Fundada em 2017 por dois economistas apaixonados por matemática, a Scientia se tornou um espaço para que especialistas em matemática pudessem aplicar seu conhecimento teórico para ajudar empresas.

RESULTADO FINAL

Após a apresentação de cada projeto e suas soluções, o júri pontuou as equipes, considerando: composição e complementaridade do time; criatividade, qualidade e clareza da apresentação; dor real de mercado alvo relevante; conhecimento do negócio; layout da solução; maturidade da solução; e escalabilidade da solução.

Segundo as avaliações, o resultado geral ficou da seguinte forma:

  • VM9
  • Wiiglo
  • Nimbus
  • Scientia

ASSISTA

Quem tiver interesse de assistir ao DemoDay e ver as apresentações de cada uma das equipes, basta acessar o link:

https://www.youtube.com/watch?v=JaqrRR3uNlM